Afinal, o que faz um designer gráfico?

Designer gráfico trabalhando

O design gráfico é uma das carreiras que mais desperta o interesse de jovens universitários: inserida em um campo que também engloba animadores, profissionais de marketing e publicitários, a profissão tem ares de modernidade, tecnologia e inovação.

Mas afinal, o que faz um designer gráfico? Conheça a resposta em nosso post de hoje!

O que é mesmo o design gráfico?

O design gráfico é, de forma objetiva, a carreira responsável por transformar ideias e conceitos em expressões visuais, ou seja, “traduzir” elementos de linguagens verbais e orais para imagens, em uma ampla variedade de suportes e materiais.

Entre as principais áreas de atuação destes profissionais, estão a produção gráfica e a editoração (criação e organização interna do projeto de grandes publicações como livros e revistas), a criação de identidades visuais, assim como o desenvolvimento de embalagens e de elementos de sinalização.

O surgimento de novas tecnologias ampliou as possibilidades para o designer gráfico, que agora também marca forte presença como designer digital, seja em projetos de letterings, na colaboração com desenvolvedores para a criação de interfaces de usuário em aplicativos de smartphone e, eventualmente, até a produção de motion design (gráficos em movimento).

Quais são os maiores desafios na rotina de um designer?

O dia a dia de um profissional de design gráfico envolve sessões intensas de brainstorming, criação e alteração de peças.

Saber lidar com seus parceiros e clientes é uma característica vital, e isto envolve a paciência e o jogo de cintura para receber pedidos de alterações que parecem intermináveis. Além disso, saber explicar sua proposta e negociar preços e prazos de pagamento também são qualidades indispensáveis.

Outro desafio, especialmente no trabalho em agências, é o gerenciamento de briefings: feitos usualmente pelo setor de marketing ou pelos próprios clientes, muitas vezes o documento traz informações esparsas e pouco específicas, dificultando seu entendimento.

Cabe ao designer, com a experiência adquirida, saber extrair as informações da melhor maneira possível, atendendo ao briefing de forma profissional e com qualidade.

Quais são as competências necessárias para a profissão?

O design é um trabalho criativo por excelência, e é muito importante que o profissional tenha afinidade e entendimento amplo de elementos gráficos como animações, ilustrações, tipografias e cores.

Embora não seja necessário saber ilustrar de forma realista, noções de desenho ajudam a escolher os melhores elementos, assim como a forma ideal de organizá-los em suas composições.

O domínio de softwares também se faz necessário: os mais populares são o Adobe Photoshop, para manipulação e composição de imagens, o Adobe Illustrator, para criação de elementos vetoriais, e o Indesign, para editoração. Mas o Adobe After Effects vem ganhando espaço como principal ferramenta na criação dos já citados motion graphics.

Por fim, não podemos deixar de falar da importância de se manter atualizado com a evolução dos meios tecnológicos, tanto nos softwares quanto em equipamentos.

Com a ascensão dos smartphones, por exemplo, abriu-se um campo gigantesco de trabalho na criação de interfaces de usuário que, no entanto, é inacessível para aqueles profissionais que deixaram de se atualizar.

Neste texto, vimos o que faz um designer gráfico: sua área de atuação, os desafios enfrentados no cotidiano e as competências que um bom profissional precisa demonstrar para alcançar o sucesso nesta área de constante inovação!

Se você gostou do artigo, assine a nossa newsletter e receba todas as atualizações em primeira mão!

Saibalá

A Saibalá é uma plataforma de conteúdos nas áreas de Economia Criativa, que propicia uma experiência de aprendizado inovadora, através do know how de quem realmente sabe. Nós fornecemos conteúdos relevantes e atualizados, pela ótica de agentes da inovação. Oferecemos acesso a seus ambientes reais de trabalho, através de cursos com qualidade e narrativa cinematográfica, em uma experiência como você nunca viu.

Deixe um comentário
Share This