Entenda o que é fotografia Fine Art e conheça seus principais expoentes

  • Home
  • Fotografia
  • Entenda o que é fotografia Fine Art e conheça seus principais expoentes
Trabalho de Fotografia Fine Art de Henri Cartier-Bresson

A fotografia Fine Art foi considerada como parte das “Belas Artes” no início do século XX. Ela resulta de um impulso artístico e estético sem a preocupação de se tornar um material comercial para veiculação. Neste ramo, é possível produzir as imagens com finalidade apenas autoral e posteriormente comercializá-las para museus, galerias, colecionadores, etc.

Devido às dúvidas sobre o que é a fotografia Fine Art, preparamos este texto com algumas explicações sobre a área, mostrando quais são os seus principais expoentes. Continue a sua leitura e entenda mais sobre o assunto!

O que é fotografia Fine Art?

Quando as primeiras fotografias foram consideradas como arte, muitos questionaram todo o processo mecânico que envolvia os retratos. Para combater tais questionamentos, os fotógrafos começaram a adotar as convenções de pinturas a óleo, como a combinação de cenários, composição com modelos e manipulação de imagem.

Não existe um consenso definido a respeito do que é a fotografia Fine Art. A justificativa para essa divergência de significados pode ser em razão da diversidade dos trabalhos de cada fotógrafo que é adepto a essa prática.

De maneira geral, as fotografias Fine Art são registros de origem autoral sem o foco publicitário. Apresentam características, gostos pessoais e profissionais dos fotógrafos, exibindo os seus conhecimentos e retratando as suas experiências.

Outro foco muito importante da fotografia Fine Art é a qualidade da impressão das fotos registradas pelos fotógrafos. Esse processo é feito com muito cuidado, buscando alcançar a melhor qualidade de impressão com a utilização de impressoras, tintas e papéis diferenciados. A combinação desses materiais de qualidade resulta em uma revelação com maior durabilidade e um tom mais artístico, uma vez que a reprodução é fiel às cores e efeitos intencionados pelo artista.

Em razão da diversidade de conceitos que definem a fotografia Fine Art, os fotógrafos têm a liberdade para trabalhar da maneira que desejam com as suas fotos. Alguns profissionais trabalham com a construção de uma narrativa, transformando uma imagem em uma história a ser contada. Outros buscam inspirações em pinturas.

As diferentes práticas exercidas pelos fotógrafos fazem com que a ideia transmitida pela Fine Art seja a de não ser limitada a uma definição exata, abrindo espaço para que possa se manter sempre em constante evolução.

Quem são os expoentes da fotografia Fine Art?

Existem muitos profissionais que se destacaram no mercado por meio das fotografias Fine Art. Sendo assim, separamos alguns nomes que apresentaram trabalhos importantes.

Carlos Moreira

O fotógrafo brasileiro nasceu em São Paulo, no ano de 1936. Desde 1976, dedica-se a dar aulas de fotografia, e em 1990 abriu a sua escola para auxiliar na formação de fotógrafos independentes.

Seu trabalho como fotógrafo sempre foi voltado para a expressão pessoal, mostrando um pouco a vida da cidade de São Paulo e retratos de pessoas próximas.

Cássio Vasconcelos

O fotógrafo brasileiro iniciou o seu caminho na fotografia em 1981 na escola Imagem-Ação, e hoje as suas obras já foram expostas mais de 200 vezes em 20 países. Especialista em fotografias aéreas, Cássio enfatiza a capacidade criativa através de manipulações intensas de suas imagens.

Em 2017, Cássio lançou o curso online “Fotografia Fine Art: processos criativos para um trabalho autoral“, no qual conta sobre seus principais projetos e a maneira como trabalhou em cada um deles.

Henri Cartier-Bresson

Nascido em 1908 na França, Henri se apaixonou pela fotografia espontânea em meados de 1933, quando comprou uma câmera Leica. Ele é considerado o pai da Street Photography (fotografia de rua) por conta de seus métodos de fotografar.

Henri lançou em 1952 o seu livro “O Momento Decisivo” onde retrata suas experiências decisivas na hora de escolher uma fotografia.

Man Ray

Emanuel Rudzirsky nasceu na Filadélfia em agosto de 1890. Durante a vida adulta adotou o nome artístico de Man Ray e se consagrou como pintor e fotógrafo, tornando-se um dos artistas mais importantes na década de 1920.

Man Ray trabalhava com três gêneros: retrato, paisagem e natureza morta. Ao lidar com os princípios básicos da fotografia, o artista inovou, buscando o relevo e a terceira dimensão em suas imagens.

Esses são apenas alguns dos inúmeros fotógrafos que se destacaram na área da fotografia Fine Art e foram responsáveis por abrir as portas deste mercado para profissionais do mundo todo.

Agora que você já sabe mais sobre a fotografia Fine Art, continue a sua visita em nosso blog e conheça 7 áreas da fotografia para acompanhar agora mesmo!

Saibalá

A Saibalá é uma plataforma de conteúdos nas áreas de Economia Criativa, que propicia uma experiência de aprendizado inovadora, através do know how de quem realmente sabe. Nós fornecemos conteúdos relevantes e atualizados, pela ótica de agentes da inovação. Oferecemos acesso a seus ambientes reais de trabalho, através de cursos com qualidade e narrativa cinematográfica, em uma experiência como você nunca viu.

Deixe um comentário

Share This