Mercado da moda: conheça a força da área e principais tendências!

  • Home
  • Mercado
  • Mercado da moda: conheça a força da área e principais tendências!
Profissionais do mercado da moda discutem tendências da área

A moda é versátil, inovadora e, principalmente, um ponto importante de observação quando o assunto é entender o que se passa (e passou) em cada período da humanidade. As roupas glamourosas dos anos 20, por exemplo, deram lugar a roupas práticas e resistentes no começo da década de 30, quando ocorreu a Grande Depressão e o início das tensões da Segunda Guerra Mundial.

Assim, o mercado da moda se transforma, reflete a realidade e cria tendências, e estar ligado nelas é essencial para uma marca que deseja impactar o público! Que tal saber mais sobre esse universo? Acompanhe o post e fique por dentro do cenário atual do setor!

Transformações no mercado da moda

Com a eclosão da crise econômica e política no Brasil, os números da moda caíram em 2016, segundo a Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (Abit), o varejo apresentou queda de 10,7%, o que equivale a 6 bilhões de peças no ano. Com isso, a moda brasileira precisou tomar medidas para driblar a situação.

Em vez de investir na criação de peças mais extravagantes, apostou em itens mais comerciais e baratos para não perder vendas. Afinal de contas, em períodos de escassez econômica, o consumidor tende a pensar melhor sobre como gastar o seu dinheiro.

Entretanto, de acordo com a publicação do Valor Econômico, as vendas relacionadas ao universo da moda devem apresentar aumento nominal de 7,9% até o fim de 2017 — alcançando, assim, R$ 190,6 bilhões de faturamento.

Já em termos de volume, espera-se que o mercado da moda feche o ano com crescimento de 5,5% — e isso significa que 6,09 bilhões de peças serão produzidas. Assim, a perspectiva atual para a moda é positiva — ou seja: uma boa hora para apostar no setor!

Principais tendências do mercado da moda

Com as boas notícias, nada melhor que se informar sobre os meios de atingir o público certo na fashion scene. Confira algumas tendências da área:

E-commerce — crescimento constante

Se em outros tempos foi visto com desconfiança, hoje o e-commerce já faz parte da vida do consumidor brasileiro, que compra cada vez mais a partir de seus computadores e dispositivos móveis. De acordo com o 36º relatório Webshoppers, da consultoria Ebit, lojas virtuais lucraram R$ 21 bilhões no primeiro semestre de 2017 — um aumento de 7,5% no faturamento se comparado ao ano de 2016.

Novas ferramentas de divulgação — marketing digital e redes sociais

A comunicação instantânea é uma realidade em nossas vidas, mas como fazer uso dela de modo a se conectar, verdadeiramente, com seu público? Bem, o marketing digital e redes sociais podem ser a solução para isso.

O marketing digital, além de mais barato do que o tradicional, permite a segmentação daqueles que verão os anúncios. E como a moda é uma área extremamente visual, atingir seu público pode ficar ainda mais fácil. Para isso, saiba em quais ambientes virtuais ele está e como consome conteúdo. Por fim, use as redes sociais para transmitir o tom da marca e humanize o atendimento aos consumidores.

Sustentabilidade — foco e conscientização

Um estudo online da Nielsen revelou que os Millennials — pessoas que, atingiram a maioridade em meio ao aquecimento global, por exemplo — estão mais dispostos a pagar valores mais altos por ofertas sustentáveis.

Assim, invista em uma produção que não envolva maus tratos aos animais, mão de obra escrava e desperdício de recursos naturais, além de materiais não sustentáveis. Faça também campanhas de marketing que demonstre esse posicionamento.

Benchmarking — uma nova perspectiva

Sabe aquele conceito de benchmarking, que compara os seus produtos, serviços e práticas empresariais com seus concorrentes? Ele pode ser feito de um outro jeito!

Na moda  e no mundo globalizado as pessoas buscam por personalização e representação. Dessa forma, realize o benchmarking com o seu público, não com os concorrentes. Fale a linguagem das pessoas que darão vida à sua marca. Faça com que os seus consumidores vivam, ativamente, a história dela!

Gostou desse panorama sobre o mercado da moda? Então, compartilhe o post em suas redes sociais. Quem sabe um de seus amigos também não está buscando uma inspiração?

Saibalá

A Saibalá é uma plataforma de conteúdos nas áreas de Economia Criativa, que propicia uma experiência de aprendizado inovadora, através do know how de quem realmente sabe. Nós fornecemos conteúdos relevantes e atualizados, pela ótica de agentes da inovação. Oferecemos acesso a seus ambientes reais de trabalho, através de cursos com qualidade e narrativa cinematográfica, em uma experiência como você nunca viu.

Deixe um comentário

Share This