O que é Pixel Art e qual é a sua utilização no universo dos games?

  • Home
  • Design
  • O que é Pixel Art e qual é a sua utilização no universo dos games?
Personagem de game desenvolvido em Pixel Art

Filmes novos de Star Wars, Stranger Things, a volta da produção do Super Nintendo. O que todas essas coisas têm em comum? O sucesso baseado no sentimento de nostalgia! E isso não é diferente com o Pixel Art.

Muito utilizado nos jogos atuais, essa estética retrô — que remete aos jogos clássicos, como Super Mario Bros., Zelda e Street Fighter — vem ganhando força e popularidade com o público, especialmente em produções independentes.

Quer descobrir mais sobre o Pixel Art e quais são as vantagens em utilizá-lo no seu game? Continue a leitura!

O que é Pixel Art?

O pixel é o menor elemento de uma imagem em que se pode aplicar cor, tendo um formato quadrado. Pixel Art, então, é a criação usando pixels visíveis, e seu uso começou nos primeiros consoles — como Atari e Super Nintendo — pelas limitações de resolução e armazenamento da época.

O termo em si surgiu em 1972, cunhado por Richard Shoup, ao criar o SuperPaint para o Mac da Apple, mas só ganhou força quando foi usado por Adele Goldberg e Robert Flegal em sua série de artigos para o Centro de Pesquisas da Xerox.

O que começou como limitação hoje virou uma verdadeira febre em muitos jogos indies de sucesso, como Light Drifter, Sword of Xolan, Fez e Hotline Miami. Quer saber por que tantas produções de sucesso usam esse visual? Acompanhe as vantagens no próximo tópico!

Quais as vantagens de usar o Pixel Art na produção de games?

Facilidade

Aprender a projetar jogos usando Pixel Art é muito mais fácil que usando 3D, por exemplo, visto que os detalhes podem ser trabalhados de maneira mais rápida, já que é exigida menor definição.

Além disso, há diversos softwares de uso mais intuitivo, inclusive gratuitos, que oferecem a programação nesse estilo, sendo uma ótima opção para quem quer prototipar o seu primeiro jogo.

Possibilidades

Por mais que o estilo Pixel Art tenha surgido de uma limitação gráfica, as possibilidades de sua utilização são infinitas! Afinal de contas, por ter uma curva de aprendizado mais rápida e possibilitar maior personalização, fica mais fácil soltar a criatividade e fazer cenários e personagens incríveis, com jogabilidade variada.

Jogos mais leves

Ao trabalhar com uma resolução menor — cerca de 240×160px —, os jogos em Pixel Art são mais leves, o que é uma vantagem extra para quem está trabalhando em uma produção para dispositivos móveis, por exemplo.

Nostalgia nos usuários

Muitos dos jogos mais amados pelo público gamer foram feitos em Pixel Art, como Super Mario Bros., Chrono Trigger , Megaman, Super Metroid, Sonic e Street Fighter. Portanto, ao usar essa estética em sua produção, você conversa diretamente com a nostalgia do usuário, e é por isso que jogos retrôs têm feito tanto sucesso.

Usar os pixels em sua produção é uma boa saída não só de aprendizado e economia, mas também para ter mais chances de que seu jogo seja um sucesso!

Agora que você já sabe mais a fundo o que é Pixel Art e por que aplicá-lo na produção do seu game, que tal ler mais sobre o desenvolvimento de jogos? Continue aprendendo neste artigo!

Saibalá

A Saibalá é uma plataforma de conteúdos nas áreas de Economia Criativa, que propicia uma experiência de aprendizado inovadora, através do know how de quem realmente sabe. Nós fornecemos conteúdos relevantes e atualizados, pela ótica de agentes da inovação. Oferecemos acesso a seus ambientes reais de trabalho, através de cursos com qualidade e narrativa cinematográfica, em uma experiência como você nunca viu.

Deixe um comentário

Share This